A PRIMAVERA DA LAGARTA - Ruth Rocha.

Fonte da imagem:http://www.publicdomainpictures.net/view-image.php?image=32987&picture=jardim-de-verao

_Grande comício na floresta! Bem no meio da clareira, debaixo da bananeira!
Dona formiga convocou a reunião. _Isso não pode continuar!
_Não pode não! Apoiava o camaleão.
_É um desaforo. A formiga gritava. _É um desaforo!
_É mesmo. O camaleão concordava.
A joaninha que vinha chegando naquele instante perguntava: Qual é o desaforo, hein?
_É um desaforo o que a lagarta faz!
_Come tudo o que é folha! Reclamava o Louva-a-deus.
_Não há comida que chegue!
A lagartixa não concordava: _Por isso não que as senhoras formigas também comem.
_É isso mesmo! Apoiou o camaleão que vivia mudando de opinião.
_É muito diferente, depois a lagarta é uma grande preguiçosa, vive lagarteando por aí.
_Vai ver que a lagartixa é parente da lagarta. Disse o camaleão que já tinha mudado de opinião.
_Parente não! Falou a lagartixa. _É só uma coincidência de nome!
_Então não se meta!
_Abaixo a lagarta! Disse o gafanhoto. _Vamos acabar com ela!
_Vamos sim! Gritou a libélula. Ela é muito feia!
O Senhor Caracol ainda quis fazer um discurso: _É, minhas senhoras e meus senhores, como é para o bem geral e para a felicidade nacional, em meu nome e em nome de todo mundo interessado, como diria o conselheiro Furtado, quero deixar consignado que está tudo errado. Mas como o caracol era muito enrolado, ninguém prestava atenção no coitado.
Já estavam todos se preparando para caçar a lagarta.
_Abaixo a feiura! Gritava aranha como se ela fosse muito bonita.
_Morra comilona! Exclamava o Louva-a-deus como se ele não fosse comilão também.
_Vamos acabar com a preguiçosa! Berrava a cigarra esquecendo a sua fama de boa vida.
E lá se foram eles, cantando e marchando:
_Um, dois, feijão com arroz, três, quatro, feijão no prato.
_Um, dois, feijão com arroz, três, quatro, feijão no prato.
Mas, a primavera havia chegado, por toda a parte havia flores na floresta, até parecia festa. Os passarinhos cantavam e as borboletas, quantas borboletas de todas as cores, de todos os tamanhos borboletearam pela mata. E os caçadores procuravam pela lagarta:
_Um, dois, feijão com arroz, três, quatro, feijão no prato.
_Um, dois, feijão com arroz, três, quatro, feijão no prato.
E perguntavam para as borboletas que passavam:
_Vocês viram a lagarta que morava na amoreira? Aquela preguiçosa, comilona, horrorosa.
As borboletas riam, riam, iam passando e nem respondiam. Até que veio chegando uma linda borboleta.
_Estão procurando a lagarta da amoreira?
_Estamos sim. Aquela horrorosa, comilona.
E a borboleta bateu as asas e falou:
_Pois, sou eu.
_Não é possível! Não pode ser verdade! Você é linda!
E a borboleta sorrindo explicou:
_Toda lagarta tem seu dia de borboleta, é só esperar pela primavera.
_Não é possível, só acredito vendo!
_Venha ver! Isso acontece com todas as lagartas. Eu tenho uma irmã que está acabando de virar borboleta.
Todos correram para ver. E ficaram quietinhos espiando. E a lagarta foi se transformando, se transformando até que de dentro do casulo nasceu uma borboleta.
Os inimigos da lagarta ficaram admirados
_É um milagre!
_Bem que eu falei. Disse o camaleão que já tinha mudado de opinião.
E a borboleta falou: _É preciso ter paciência com as lagartas se quisermos conhecer as borboletas.
Fonte da imagem:http://www.publicdomainpictures.net/view-image.php image=79475&picture=borboleta-cor

Moral da história: 

não devemos apontar os defeitos dos outros, todos temos nossos defeitos também. Devemos ter paciência com o tempo de evolução de cada um, porque como diz a historinha, precisamos ter paciência com as lagartas se quisermos conhecer as borboletas.


Atividade: 

procure no texto as frases dos animais que colocaram defeitos na lagarta esquecendo os seus.

Exemplo:

- Morra comilona! Exclamava o Louva-a-deus como se ele não fosse comilão também.


Borboleta com as mãos das crianças: 

em folha cartolina colorida, desenhar o corpo da borboleta. 
Cada criança coloca a mão esquerda em uma folha e passa o lápis no contorno. Após pintar, deverão recortar e colar ao lado do corpo da borboleta formando as asas.



Comentários

Roselia Bezerra disse…
Olá, querida Jeanne
Que graça de historinha e com uma mensagem bem apropriada pra todos os dias.. nada vale observar o defeito dos demais...
Bjm fraterno
Gracita disse…
Querida Jeanne
Que linda história!
Adorei a sugestão para confeccionar a lagarta.
Ficou mega fofa
Beijos e um domingo abençoado
Olá Jeanne, adoro as historinhas infantis, elas sempre são educativas, engraçado, que mesmo adulta, quando ficava triste, o que mais me agradava eram
as cantigas de roda... cantarolava essas músicas e já me sentia feliz.
Obrigada, feliz e abençoada semana, abraços carinhosos
Maria Teresa
Bom dia Jeanne!
Excelente estória e mensagem!
Certamente as crianças irão adorar fazer atividades com elas e aprenderão muito!
abração com carinho
Rubia Kenes disse…
Parabéns amada ameiiiiiiiiiii a historia! tenho certeza que as crianças vão amar! beijinhosssssssssss


http://rubiaartes.blogspot.com.br
Meus rabiscos disse…
Amei a historinha parabéns!
Com certeza que ñ devemos apontar os defeitos alheios...Até porque temos muitos defeitos.
Porém infelizmente existem pessoas que se esquecem desses detalhes.
Vou lê para a minha neta,tenho certeza que ela irá amar.
Bjsss
sandra mayworm disse…
Bom dia Jeanne,
Que lindo! Quem se dedica às crianças é um ser especial, com certeza...
Lembrei muito da minha infância com a musiquinha "Um dois, feijão com arroz, três quatro, feijão no prato". Minha mãe cantava pra eu comer!
E eu adoro feijão com arroz rsss
A borboleta feita pelas crianças...que riqueza de colorido e textura!
Parabéns pela postagem.
Bjs
Carmem disse…
Olá Jeanne
Linda história.
Muitas vezes somos impacientes com os outros e não vemos que nós mesmos também temos problemas, diferenças.
Ótimo final de semana para vc.
Abraços
Willian Ernani disse…
Belo textinnho, e tem uma lição bem apropriada pra crianças e adultos também, parabéns.. Abraços
http://willianernani1.blogspot.com.br/
Canal Rahtuber disse…
Nossa que linda historia eu amei.
beijinhos
http://falaseriorah.blogspot.com.br/
Kassinha Gomes disse…
História muito fofa, e com uma mensagem maravilhosa. É muito fácil mesmo, apontarmos defeitos alheios, esquecendo dos nossos. Somos seres imperfeitos, mas se temos consciência disso, porque não trabalharmos para melhorar, crescer como gente, aprendendo a respeitar o jeito e defeitos dos outros? Ficaria aqui falando por horas...rs Ah! o trabalho manual, achei também super interessante. Parabéns pelo blog, o estou seguindo com muito carinho. BjusLuz!
www.blogdakassinhagomes.blogspot.com
Linda a história, e quem é que não tem defeitos? É muito chato apontar os defeitos dos outros, beijos.
Magda Moreira disse…
Que linda história amiga!!!
É verdade mesmo, geralmente nós gostamos de apontar os defeitos dos outros e esquecemos dos nossos próprios defeitos. Sabemos que ninguém é perfeito e devemos ter paciência com as pessoas.Parabéns amiga!!! Bjss!!

http://agendadosblogs.blogspot.com.br/
Magda Moreira disse…
Que linda história amiga!!!
É verdade mesmo, geralmente nós gostamos de apontar os defeitos dos outros e esquecemos dos nossos próprios defeitos. Sabemos que ninguém é perfeito e devemos ter paciência com as pessoas.Parabéns amiga!!! Bjss!!

http://agendadosblogs.blogspot.com.br/
Dália Duarte disse…
Linda a história....fez-me voltar anos atrás quando escutava histórias parecidas com essa para nos ensinar que somos todos seres imperfeitos....e com defeitos....beijinhos
Adoro essas histórias infantis! Estou começando a contá-las para a minha filha de 2 anos... mas confesso que eu amo uma historinha que meu pai me contava quando pequena: o que aconteceu no caldeirão da bruxa da Sônia Junqueira hehehe Beijos!
http://www.analauraartes.blogspot.com.br/
Oi Jeanne linda essa estória...
Estórias infantis são lindas e educativas e sempre as crianças gostam...
Bjuss e um ótimo domingo pra você...
Rosiane Barros disse…
Que linda essa historinha, amo borboletas, e confesso que fiquei parada um tempão olhando pra ela piscar rsrsrs amei seu post. bjs
mazé disse…
Linda história!mensagem edificante!sucesso para você! te seguindo com carinho bjsss!!http://wwwmazeblogspotcom.blogspot.com.br/
Samy disse…
Lembrei da minha infância.. Bons momentos que a professora ficava nos contando essas histórias.. Boas lições eu aprendi.. Amei amada!!

www.fikesperta.com
Que linda a história nos remete a nossa infância , adorei,bjs
pedacinhosderetalhoseli.blogspot.com
Katia Magal disse…
Que linda mensagem!
A gente para ver o erro nos outros é sempre mais fácil e cômudo, porém esperar é uma virtude e generosidade. Uma historinha que faz a gente refletir.Parabéns.bjsss
Katia Magal disse…
A gente para ver o erro dos outros é bem mais fácil, é bem verdade. Uma historinha boa para fazer a gente refletir como é bom ser paciente e generoso com as pessoas, assim como queremos que façam conosco.bjsss
www.katiamagal.com
Anônimo disse…
A gente para ver o erro dos outros é bem mais fácil, é bem verdade. Uma historinha boa para fazer a gente refletir como é bom ser paciente e generoso com as pessoas, assim como queremos que façam conosco.bjsss
www.katiamagal.com
karina padilha disse…
adorei a estorinha.. bjs e sucesso!!!!!!!!!!!!!!!
www.karinapadilha.blogspot.com.br
Tudo muito linndo amei, historia linda e parabens pelo blog
A historinha retrata o poder de transfornaçào da natureza e uma linda lição de comportanento para os humanos.

Declaração Universal dos Direitos da Criança.

Declaração Universal dos Direitos da Criança.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER.

Assista a animação da música Aquarela, de Toquinho.

Assista a animação da música Aquarela, de Toquinho.
CLIQUE NA IMAGEM PARA ASSISTIR.

ECOLOGIA PARA CRIANÇAS.

ECOLOGIA PARA CRIANÇAS.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER

LIVROS INFANTIS ILUSTRADOS ONLINE.

LIVROS INFANTIS ILUSTRADOS ONLINE.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER

Mozart para bebês.

Preservando a natureza.